Deputado Maurício Eskudlark repassa informações sobre a Ferrovia da Integração

Última atualização: 26/05/2014 12:00:00

 

O Conselho das Entidades, do qual a Associação Comercial e Industrial de São Miguel do Oeste – ACISMO, faz parte, esteve reunido na manhã de hoje, 26, com o deputado estadual Maurício Eskudlark.

 

O objetivo do encontro foi o repasse de informações acerca do projeto técnico da Ferrovia da Integração (Leste-Oeste/Norte-Sul), que prevê uma ferrovia que ligará os portos Catarinenses ao Oeste e Extremo-Oeste do Estado.

 

De acordo com o documento, assinado pelo diretor de planejamento da Valec – Engenharia, Construções e Ferrovias S.A., Sérgio de Assis Lobo, a licitação para a elaboração do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental e do Projeto Básico relativo à Ferrovia da Integração deverá ser concluída até o final deste mês, já que esses estudos dispõem de recursos do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC 2, no valor de R$ 68,7 milhões.

 

Ainda segundo o documento, o prazo para concluir o Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental é de oito meses e o Projeto Básico, 14 meses. Os recursos para a construção da ferrovia não estão assegurados, já que o Governo Federal ainda não definiu se a obra será executada por meio do novo modelo de Concessões Ferroviárias ou com recursos do PAC. 

 

O presidente da ACISMO, Vilmar Lima de Souza, as ferrovias se tornam mais baratas, porque o custo para manutenção é bem menor do que uma rodovia, além de ser seguro e sustentável. “É insustentável o futuro do Brasil só por rodovias. A ferrovia vai atrair mais investimentos além de fomentar a indústria e o comércio”, ressaltou.

 

Esteve presente o presidente da CDL, Edenilson Zanardi, o presidente do Sindicomércio, Danilo de Ré, o vice-presidente regional da Fiesc, Astor Kist, e o presidente do Sinduscon, Elias Rogério Lunardi. 

CADASTRE-SE

Receba novidades

Loading